conecte-se conosco

Olá, o que procuras?

O guarda-redes da Bulgária que jogou de peruca no Mundial 1994
O guarda-redes da Bulgária que jogou de peruca no Mundial 1994
O guarda-redes da Bulgária que jogou de peruca no Mundial 1994

Futebol

O guarda-redes que jogou de peruca no Mundial de 1994

Sabes quem foi o primeiro jogador a jogar um Mundial de peruca?

O Mundial de 1994 foi ficou na memória de todos, onde até uma peruca faz parte das histórias da competição. Mas não foi pelos motivos capilares que o búlgaro Borislav Mihaylov foi figura de destaque.

O antigo guarda-redes da Bulgária viveu um dos momentos mais altos da sua carreira durante o Mundial dos Estados Unidos, onde se inclui a defesa de grandes penalidades, mas também, o já citado, uso da peruca.

Aliás, a própria seleção da Bulgária que participou no Mundial 1994 tinha dos penteados mais icónicos daquela prova. Na baliza, tínhamos Borislav Mihaylov com a sua peruca. O defesa Trifon Ivanov e a sua barba e caracóis. Já no meio-campo, havia a careca de Yordan Lechkov. Por fim, no ataque, Hristo Stoichkov, que tinha um visual banal, mas ao nível do futebol foi dos melhores no torneio.

Mihaylov jogou uma parte da carreira com a careca à mostra, até que um dia um amigo deu-lhe uma peruca para usar.

“Era bonito de mais para aos 30 anos estar completamente calvo”

Amigo de Borislav Mihaylov

Apesar de estranhar ao início, começou a usar. A mudança no look, fez-se logo notar na qualificação para o Mundial. Já nos EUA, o guardião búlgaro jogou todos os jogos de peruca.

Talvez por mera coincidência, ou sorte, desde que Mihaylov iniciou o uso de tal adereço a sua seleção – a Bulgária, melhorou as prestações.

Sobre as quedas da peruca, não há registo que tenha caído em nenhum jogo do Mundial americano nem há registo que tal tenha acontecido nos anos seguintes. Aliás, ainda hoje, já com 55 anos, Borislav Mihaylov continua a usar peruca. A nível profissional ocupa o cargo de presidente da federação búlgara de futebol.

Quanto a demonstrações capilares futuristas, a marca da Bulgária não se ficou só por aqui. Também os cabelos longos de Ivanov e a atrevida careca de Yordan Lechkov tornaram-se imortais para a história dos mundiais de futebol.

Percurso no Mundial 1994

O jogo de estreia na prova começou com pé esquerdo. Derrota por 3-0 com a Nigéria. Apesar disso, a Bulgária somou a primeira vitória no jogo seguinte diante da Grécia, batendo depois a Argentina de Batistuta. Nos oitavos de final frente ao México, Mihaylov foi herói na decisão pelas grandes penalidades. A vaga dos quartos de final fez o guarda-redes prometer que envia a peruca em direção aos adeptos se a Bulgária fosse campeã. Mas prontamente recuou na ideia.

Nesse Mundial, a Bulgária acabaria no quarto lugar, com Borislav Mihaylov a ser eleito o segundo melhor guarda-redes da prova, atrás do belga Michel Preud’homme. Taffarel, tetracampeão brasileiro, fechou o pódia.

Depois do Mundial de 1994, transferiu-se para o Reading, de Inglaterra. Porém, a experiência em terras de sua majestade não correu bem. Vários problemas conjugais, fizeram-lhe não manter a boa forma. Em consequência disso, jogou apenas 25 jogos em dois anos. Atualmente, e desde 2005, é presidente da federação búlgara de futebol.

Portugal

Entre 1989 e 1991, Borislav Mikhaylov jogou no Belenenses, tendo 58 jogos no clube que joga no Restelo, em Lisboa.

banner de apostas desportivas de futebol da casa de apostas bwin

banner de apostas sem risco até 50€ da bwin em apostas desportivas
quem será o campeão da liga portgal bwin de 2022-23
bwin-tv
slot-races
banner-bonus-bwin-apostas-desportivas
liga-portugal-bwin-campeao-widget
03
slot-races
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
Anúncios

Artigos que também podes gostar